Pular para o conteúdo principal

Show com Costa a Costa


Mais uma sexta de verão na soterópolis, e mais uma vez sigo para um evento de qualidade. Após anos de espera era a vez de lavar a alma ao som do Costa a Costa (CE), grupo de rep bastante importante para mim e acredito que para o rep do Nordeste como um todo. Os caras já ganharam o Hutúz (maior premiação do Hip Hop nacional), já tocaram no sudeste, são conhecido em quase todo o país, porém nada disso os fazem diferentes dos outros grupos de rep, pra mim não é essa pompa que faz o Costa a Costa ser o que é, a sinceridade nas palavras e a emoção com o que cantam aquilo que acreditam é o que faz o Costa a Costa ser o que é, esse excelente grupo que põe geral pra cantar, pensar e dançar.

A apresentação do evento estava por conta de CORRERIA, figurassa, que dentre uma apresentação e outra fazia uns freestyles e lançava algumas de suas rimas pra galera, o primeiro grupo a se apresentar foi o OTRAVIDDA - http://myspace.com/otravidda - que fez o show bem no clima do verão mesmo, descolados e soltos que nem eles, os caras se garantem muito naquilo que fazem. As bases são bem dançantes e alegres, uma boa pedida para os B-Boyz mostrarem sua pegada. Durante a apresentação dos caras rolaram diversas participações, como uma boa festa de rep, dentre elas vale destacar a malemolência de Makonnen (Nova Saga), além da parceria da Otravidda com Ragell (Versu2) na música "Bota a cara na lata", música muito boa pra tocar nas pistas.

Por falar em tocar nas pistas, DJ BANDIDO - http://myspace.com/djbandidocomdendebeat - mais uma vez mostrou como se faz nos toca-discos, mandando clássicos do rep nacional, que embalou a galera no pré-show e nos intervalos entre os grupos.

Dando seguimento as apresentações, era a vez de LUKAS KINTÊ - http://myspace.com/lukaskinte - mostrar suas rimas pra geral. Dentre muitas faixas cantadas, bem no estilo ganguêro de ser, percebi que a faixa "Saber Chegar" tá na boca de geral, dava pra ver várias pessoas cantando junto com ele, e isso é um ponto bastante positivo, pois demonstra que a galera ta dando muito valor ao produto da casa. A apresentação de Kintê foi bem animada e enérgica, e de uma hora para outra tinha uma rapa de gente no palco escaldando tudo, pulando de um lado para outro, nessa hora me lembrou até um show de hardcore, gostei muito desse pique. Pra finalizar uma base bem conhecida "Fogo&Fumaça" do MC carioca Gutierrez, e ai já estavam juntos Lukas Kintê e Otravidda cantando a versão baiana dessa música, pra quem não sabe o Gutierrez lançou em alguns estados versões diferentes dessa música, uma forma de promover a mixtape Corpo Fechado e dar um gás na galera local. A versão baiana tem a participação de Lukas Kintê e Daganja, pra ouvir basta acessar o MySpace de Kintê.

"ISSO AQUI É DINHEIRO, SEXO, DROGAS E VIOLÊNCIA DE COSTA A COSTA". Sim, essa era a hora tão esperada, COSTA A COSTA - http://myspace.com/costaacosta - já estava no palco com toda seu estilo latino e sincero. Os caras começaram cantando músicas da polêmica Mixtape "Dinheiro, sexo, drogas e violência", apesar da base está baixa, a galera cantava junto e deixava o show dos caras com um integração foda de público e banda. O estilo do Dj Flip Jay contagiava, figurassa demais!!!! Nunca vi um cara discotecando tão animado e sorridente como ele, gosto de ver bandas/grupos se divertindo enquanto tocam, e isso dava perceber dos caras. Don L ao vivo é idêntico a Mixtape, o que demonstra que maquiagem inexiste ali, é aquilo mesmo e pronto. Outro destaque também foi Nego Galo, esse eu acho que era o mais empolgado de todos, todo tempo animava e puxava a galera pra si. Na hora que tocaram "Enquanto num vim" o público veio a baixo, o que mais uma vez mostra a força da Mixtape "Dinheiro, sexo, drogas e violência". Além das músicas da Mixtape os caras tocaram outras músicas do grupo, que sinceramente espero que saiam logo, pois estão fodas! As músicas mais novas estão seguindo uma linha bem mais influenciada por música latina e com aquela pegada caribenha, inclusive os caras mandaram uma seqüência de músicas só nesse naipe que deu todo um toque caliente na noite, a seqüência incluiu as músicas "Costa Rica", Boa noite Cinderela", "ParaTodos" e "Ela mexe". Ainda teve tempo pra Don L mostrar a faixa "Não Para", de seu projeto solo...essa é pra bombar na pista!!!!! Nem a chuva fez o show esfriar, tanto que ao fim da apresentação a galera clamava por um bis, que foi atendido pelos caras que voltaram tocando "Mel e dendê" e finalizaram a apresentação com a faixa do projeto solo do Don L., a intensa "Essência", que até agora escrevendo deixam meus olhos mareados, pois lembro da emoção sentida por Nego Galo no show, ainda não tinha sentido em um show de rep tamanha emoção quanto a que o Nego Galo me passou, vê-lo lagrimejando me deixou com vontade de chorar também, assim com estou agora, é bom quando a música ou um grupo em si te passam essa emoção, e a sinceridade do Costa a Costa, me deixa assim. Espero que os caras não demorem a voltar, espero que lancem algo novo logo e espero também que o Don L. venha fazer seu show solo aqui, que o trampo está muito bom.

Por falar nisso, se quiserem dar uma sacada no som dele basta acessar o MySpace: http://myspace.com/donlivre

Comentários

Val disse…
Embora o estilo nao seja totalmente do meu universo pessoal, acho importante nao so conhcer mais apreciar e apoiar...

Salvador nao pode continuar tao inerte com esta hj em dia!

e abaixo o radicalismo!
x Toma na Cara x disse…
Disse tudo nego, esse negócio de muitas divisões e barreiras só enfraquece qualquer tipo de cultura ou contracultura.

Valeu pelo comentário aê Val!!!
B.Mobiu disse…
Mais uma resenha verdadeira, parabéns Dudex
x Toma na Cara x disse…
Valeu Rangell!!!!!

Te amo nego!!!!!


Quero ver esse CD da Versu2 na rua ainda esse semestre viu!!!!
Anônimo disse…
like gambling? friendship las vegas? toil the all virgin [url=http://www.casinolasvegass.com]casino[/url] las vegas at www.casinolasvegass.com with on the other side of 75 ritzy undemanded conducive to [url=http://www.casinolasvegass.com]online casino[/url] games like slots, roulette, baccarat, craps and more and harmless a light-hearted turn out in licit notes with our $400 unchecked bonus.
we be invariable rhythmical safer games then the superannuated online [url=http://www.place-a-bet.net/]casino[/url] www.place-a-bet.net! few more free casino games and free [url=http://www.2010-world-cup.info]casino bonus[/url] you can find at the 2 new [url=http://www.buy-cheap-computers.info]casino[/url] guides : www.2010-world-cup.info and www.buy-cheap-computers.info .
Ae, não so de punk vive o homem, mas de toda palavra proferida em prol da humildade e da sinceridade.

Legal, aqui esses rolês são rarissimos e precisao acontecer mais, embora nao sejam minha preferencia musical, mas é a resistencia.

Beijo negão ;*
x Toma na Cara x disse…
Chuva Negra: A parada é essa mesma, transitar por todos os espaços!!!!!!Independente do estilo musical, tem que ser real!

Bjus nego!

Postagens mais visitadas deste blog

Cobertura dos melhores momentos do Palco do Rock 2009

Por: Rodrigo Gagliano.


Nesta edição colaborou conosco o Rodrigo Gagliano, membro de várias bandas que foram/são importante para o cenário underground soteropolitano, dentre elas a Charlie Chaplin. O Rodrigo, acompanhou todos os dias do festival PALCO DO ROCK, e teceu suas considerações. DIVIRTAM-SE!

Dia 21/02/09 – Sábado

Primeiro dia. Não curti nenhuma banda. Não é só em relação a estilo, às vezes é algo que não gosto, mas posso ver algo interessante e tal. No máximo na banda grande, mas tinha muito pula-pula, muita braulêra! Na verdade não lembro da banda de Thrash Metal 80´s. Teve ainda, a Pastel de Miolos que tem algumas coisas que gosto, principalmente de coisas mais antigas, como costuma ser comigo.

Dia 22/02/09 – Domingo

Segundo dia. Fui com Íris e Antonio (amigos pessoais do Rodrigo) que queriam ver a primeira banda, Endiometriose. Banda de Feira de Santana, composta por meninas. Tocaram muitos covers em relação a quantidade de músicas próprias.Ponto negativo, pois ficou parecendo q…

Oasis Day 2012 - Salvador

Texto: Ciro Sarno Já há alguns anos vem sendo realizado, no Brasil, o Oasis Day. Em algumas cidades, eventos com programação especial são feitos em homenagem ao grupo, contando com bandas covers e/ou discotecagem, levando os fãs a relembrarem os hits que marcaram épocas.
Na edição deste ano, que ocorreu dia 15 de setembro, Salvador participou pela primeira vez. O evento foi realizado no Groove Bar, melhor casa de rock da cidade, e o anfitrião da noite foi o sempre fantástico Oasis Cover. A apresentação contou com a abertura da banda Blur Cover, fazendo uma combinação inusitada de covers entre os rivais britânicos. Foi uma noite de puro rock, com o melhor que o Oasis tem a oferecer neste aspecto. Com um setlist bem escolhido por Ted Simões, líder e vocalista do grupo anfitrião, o show foi conduzido de maneira dinâmica e com surpresas dignas do que a noite merecia. “Rock’n Roll Star”
A apresentação começou com a música que traduz bem o que é o Oasis, o que significa ser fã da banda e prepar…

Cobertura: Pessoas Invisíveis e Gigante Animal na Midialouca

Resenha: xDuduxFotos: Danilo VieiraSalvador passa por uma triste fase de escassez de casas de shows, por isso vale a criatividade dos organizadores de shows em buscar possibilidades em fazer a parada virar. Como puderam observar na resenha anterior, elaborada por Rodrigo Gagliano, o show dos Falsos Conejos foi no Bar de Dona Neuza, que fica no Marback bem distante do Rio Vermelho/Pelourinho (locais onde geralmente rolam os shows na cidade). Com a passagem do Gigante Animal (SP) por Salvador não foi diferente e a criatividade de Danilo Vieira é de se tirar o chapéu. O local escolhido foi a Midialouca, uma loja de CDs e livros bem legal. A estética do local por si só já tava valendo, eu particularmente nunca tinha ido a loja e adorei, comprei dois bons cds lá e ainda vi shows de duas bandas excepcionais. Vamos ao show.
Já tinha uma quantidade razoável, para uma quinta feira, no local e a Pessoas Invisíveis- http://www.myspace.com/pessoasinvisiveisrock - mandava os primeiros acordes, ent…