Pular para o conteúdo principal

Cobertura: 3º ManiFesta - João Pessoa - PB

Texto: xDudux

Fotos: Divulgação


Ainda com a empolgação da noite anterior (Verdurada) rumei no sábado com os Como Desistir? pra João Pessoa (PB), onde rolaria o III ManiFESTA, já na rodoviária Braytner (vocal Como Desisir?) nos encontrou e rumamos para o local do show, vagamos por ruas desertas e escuras, mas tudo bem sossegado. Chegamos no Pogo Pub, um espaço que tive o prazer de visitar, pois foi criado com coletividade e amizade. Dei um rolé pelo centro histórico e na volta já havia o burburinho que o show da Como Desistir? - http://soundcloud.com/comodesistir - iria começar.


Entrei e era verdade, eles já estavam no palco com toda aquela empolgação característica da banda. Curtir bem mais esse segundo show deles, Braytner (vocal) estava bem mais insano, inclusive quase me acerta um chute na cara e dessa vez deu pra brincar mais no show, já que tinha sacado melhor os caras na noite anterior. Esse foi um show pra banda entrar de vez na minha lista de bandas fodas do Nordeste.


Em seguida, na escuridão a Dispor - http://dispor.wordpress.com - mostrava para os paraibanos o que é que Bahia tem, e tem muito punk de qualidade, mais um show esplendido pra ficar marcado na memória!!! Caos total, apesar dos poucos presentes, quem estava ali tava pra game. Corpos trombando um no outro, caindo no chão, coisa linda de se ver.


Estava ansioso para ver o show da Calistoga http://www.myspace.com/bandacalistoga - sonhei muito o dia que veria os caras ao vivo, uma banda que desde o começo sempre paguei muito pau, me decepcionei. Primeiro o som estava absurdamente alto, impossível de agüentar ficar por muito tempo no ambiente sem se sentir incomodado, até ai beleza, pelo menos seriam aquelas músicas que tanto amo do "New way to Say" ou ainda do "Normal Peoples Brigade", mas não, os caras tocaram sim algumas músicas que tanto gosto e adorei vê-las ao vivo, mas sinceramente as músicas do disco novo não desceu bem, acho que a banda está ficando complexa demais pra mim e foi como Rodrigo disse: "O show não foi ruim, a gente que demorou tempo demais pra ver a banda ao vivo". Óbvio que a banda continua com uma qualidade técnica absurda, isso é indiscutível, mas essa pegada Mars Volta, ao menos pra mim, não agrada.

FItálicoinalizando a noite, a Noskill http://www.myspace.com/noskill1 - fez um show morno, porém confesso que a banda me impressionou bem mais do que na gravação, talvez a presença de Thuany (vocal) dê aquela instigada. As outras meninas também tocam bem, só o baterista que não batia tão seguro na caixa e o som ficava um tanto quanto baixo, mas o que ele não batia na caixa compensava nos prato, não aliviou mesmo. Fecharam o show com chave de diamante executando o cover de "Diploma" da Patorocko, ops Noção de Nada kkkkkk.




Foi um show e um dia muito legal, conheci pessoas novas e encontrei pessoalmente Ícaro, um grande amigo de internet, super gente boa. Gostaria de agradecer a todos pela receptividade, em especial Dorivan que me acolheu em seu lar, valeu mesmo! Parabéns ao pessoal do Pogo Pub, achei o espaço lindo e não parem nunca, Go Punx, Go!

Comentários

Rodrigo disse…
tão balas as resenhas!!

os shows foram bem massa, principalmente pelo clima! ai se não fosse pelas minorias (realmente) interessadas... nada disso faria sentido!

achei desnecessaria a comparação do vocal da come alive com vocal de homi! me incomodou um tanto! fikadika e opinião!

esqueceu de dizer que a banda tem uma pegada old school rara nos dias de hoje! tomara q fiq cada vez mais e cada vez menos "metalcore"...
Sérgio Moraes disse…
Massa demais galera! Gostei em especial das bandas "Calistoga" e "Como Desistir?" Sons com bastante personalidade.
Eduardo disse…
Rodrigo: Se foda, achei necessária a comparação, pois tem muito muleque por ai que quando sabe que a banda tem um vocal feminino torce o bico, achando que vai ser um vocal chato e ruim, o que não é mesmo o caso de Come Alive e de tantas outras bandas fodas com vocais femininos.

Isso, bem pontuado...acho que essa pegada que desde o início me conquistou tanto, é algo que me remete a uma época boa, de bandas boas.

Acho que a banda está na dosagem certa, se ficar mais "metalcore" estraga.
Eduardo disse…
Sérgio Moraes: Que bom que gostou, pena que recebemos a nóticia na semana passada que a Como Desistir? Desistiu. A banda acabou.

Postagens mais visitadas deste blog

Cobertura dos melhores momentos do Palco do Rock 2009

Por: Rodrigo Gagliano.


Nesta edição colaborou conosco o Rodrigo Gagliano, membro de várias bandas que foram/são importante para o cenário underground soteropolitano, dentre elas a Charlie Chaplin. O Rodrigo, acompanhou todos os dias do festival PALCO DO ROCK, e teceu suas considerações. DIVIRTAM-SE!

Dia 21/02/09 – Sábado

Primeiro dia. Não curti nenhuma banda. Não é só em relação a estilo, às vezes é algo que não gosto, mas posso ver algo interessante e tal. No máximo na banda grande, mas tinha muito pula-pula, muita braulêra! Na verdade não lembro da banda de Thrash Metal 80´s. Teve ainda, a Pastel de Miolos que tem algumas coisas que gosto, principalmente de coisas mais antigas, como costuma ser comigo.

Dia 22/02/09 – Domingo

Segundo dia. Fui com Íris e Antonio (amigos pessoais do Rodrigo) que queriam ver a primeira banda, Endiometriose. Banda de Feira de Santana, composta por meninas. Tocaram muitos covers em relação a quantidade de músicas próprias.Ponto negativo, pois ficou parecendo q…

Oasis Day 2012 - Salvador

Texto: Ciro Sarno Já há alguns anos vem sendo realizado, no Brasil, o Oasis Day. Em algumas cidades, eventos com programação especial são feitos em homenagem ao grupo, contando com bandas covers e/ou discotecagem, levando os fãs a relembrarem os hits que marcaram épocas.
Na edição deste ano, que ocorreu dia 15 de setembro, Salvador participou pela primeira vez. O evento foi realizado no Groove Bar, melhor casa de rock da cidade, e o anfitrião da noite foi o sempre fantástico Oasis Cover. A apresentação contou com a abertura da banda Blur Cover, fazendo uma combinação inusitada de covers entre os rivais britânicos. Foi uma noite de puro rock, com o melhor que o Oasis tem a oferecer neste aspecto. Com um setlist bem escolhido por Ted Simões, líder e vocalista do grupo anfitrião, o show foi conduzido de maneira dinâmica e com surpresas dignas do que a noite merecia. “Rock’n Roll Star”. 
A apresentação começou com a música que traduz bem o que é o Oasis, o que significa ser fã da banda e prepar…

Cobertura: Pessoas Invisíveis e Gigante Animal na Midialouca

Resenha: xDuduxFotos: Danilo VieiraSalvador passa por uma triste fase de escassez de casas de shows, por isso vale a criatividade dos organizadores de shows em buscar possibilidades em fazer a parada virar. Como puderam observar na resenha anterior, elaborada por Rodrigo Gagliano, o show dos Falsos Conejos foi no Bar de Dona Neuza, que fica no Marback bem distante do Rio Vermelho/Pelourinho (locais onde geralmente rolam os shows na cidade). Com a passagem do Gigante Animal (SP) por Salvador não foi diferente e a criatividade de Danilo Vieira é de se tirar o chapéu. O local escolhido foi a Midialouca, uma loja de CDs e livros bem legal. A estética do local por si só já tava valendo, eu particularmente nunca tinha ido a loja e adorei, comprei dois bons cds lá e ainda vi shows de duas bandas excepcionais. Vamos ao show.
Já tinha uma quantidade razoável, para uma quinta feira, no local e a Pessoas Invisíveis- http://www.myspace.com/pessoasinvisiveisrock - mandava os primeiros acordes, ent…