Pular para o conteúdo principal

SHOW com a The Honkers


Mais uma edição do Toma na cara nesse final de semana louco que foram os dias 14/15/16 de agosto. Puro rock na cidade de Salvador, qualidade não faltou em alguns eventos, espontaneidade também não, vamos agora passar pra vocês mais um dos eventos que colamos, e claro acreditamos. O evento foi próximo de minha casa, foi no bar de Doba Neuza, aqui no Marback e contou com a participação das bandas The Honkers, Charlie Chaplin, The Futchers e Weise, para me ajudar nessa cobertura, ele que já nem é mais convidado Rodrigo Gagliano, e é ele que começa a narrar esse furdunço. Detalhe que o sacana escreveu a resenha no domingo, porém só está sendo postada agora.

Ontem (na verdade já foi anteontem - esses dias estão passando rápidos... um tanto quanto bem movimentados) quase fudi minha perna no show do THE HONKERS - http://www.myspace.com/thehonkers - lá no Bar Piscina. Há quanto tempo não via um show deles alucinógeno como esse? "já não sei mais... há quanto tempo..." {dele}. O show tava bem morno até a metade - apesar deles terem tocado "Psychedelic Yellow Sugar" entre as primeiras, uma das músicas mais agressivas que já ouvi!
Porém, da metade pro final, o bixo pegou demais!!! As chamas do punkrockgarajêro honkiano se acenderam!!! Em "Annybody Else", me empolguei tanto com a música em si e com as batidas de pé de Bubute(vocal), que mais parecia que iam afundar o palquinho
do bar de Dona Neusa, me seduzindo a pular o mais alto que eu pudesse. Resultado, quase que meu pé acerta o olho de Rogério, me fazendo cair de mau jeito, causando uma quase luxação na perna. Enfim, isso não aconteceu e juntamente com algumas outras pessoas, degustei do restante de show que também contou com um momento ska-dançante com "One More Chance" do Peacocks, "Monkey Man" do Specials (ja ta virando cult, por causa de uma galera aê) e "Were Do I Go", deles mesmo!
Bubute chegou a frisar algumas vezes, que não se divertia tanto assim aqui em Salvador há um bom tempo. Digo o mesmo quanto a shows de rock na cidade. Os caras todos se divertindo e transparecendo estarem gostando de estar ali tocando, Bubute despirocando (perdendo a piroca), um ambiente familiar, e os
covers do cd "Underground Music for Undergound People", que é simplesmente um crássico instântaneo (como li num comentário no myspace de Jezebels).

Depois dos Honkerinos terem conseguido incendiar sua apresentação e descido do palco, os THE FUTCHERS - http://www.myspace.com/thefutchers - sobem e usando os mesmos instrumentos e o mesmo vocalista (além da troca de posto de baterista para guitarrista - Léo). Fizeram uma rápida apresentação de pouco menos(?) que 10 músicas. Algumas do cd "10 Songs That Will Not Change The World" (que conta com 11 músicas) e os já impregnados covers no repertório dos Buff Medways, "Troubled Mind" e "Sally Sensation". A banda ainda não caiu nas graças do ingrato público soteropolitano, mas já cheguei a ver gente cantarolando timidamente músicas da banda. Quem ainda não ouviu, ou não tem o cd, pode ou comprar, ou baixar no seguinte link: http://www.4shared.com/file/121384251/17be061f/The_Futchers_-_10_Songs_That_Will_Not_Change_The_World.html

Quem preferir, compra e baixa, o que particularmente acho mais apropriado. Mas foda-se eu. Abraço e até a próxima vez que eu meter o nariz onde fui chamado. [To entrando no clima do blog, mais imparcial que nunca, e agora estou com preenchimento de sobra, para esperar pela próxima vez! E só aqui no Toma na cara preu poder pagar tanto pau enquanto resenho, sem me sentir incomodado. Se incomodei, lamento informar, mas o segundo nome do Tomanacara é Casa da Mãe Joana. Abriu a porta pra mim porque quis Dudu, hehehe! Se fudêu! Sem Deus, tudo é permitido...

Sem DEUS e Sem mestres meu caro, aqui você tá ligado que é tudo nosso nessa porra, só pra quem é!!!!Aqui é badernista mermaum, e por falar em baderna que porra de show foi essa da sua banda man? A CHARLIE CHAPLIN - http://www.myspace.com/charliechaplingoveia - diferente do show da sexta com um público bem pequeno e frio, aproveitou todo o clima que estava insataurado ali no Marback e mandou ver no seu punkhardcoretorto e entortou os mais certinhos, de cara mandou um cover do Minority Blues Band, e ai seguiu com diversas músicas novas, que acreditem vão sair num CD logo menos, aguardem!!!O povo tava numa alegria só, pulando em altas, e quando falava-se em o teto não permitir dançar, percebemos que o teto do Bar de Dona Neuza é bem alto e acolhedor, por isso se permita dançar da forma que melhor lhe convir, por aqui se tiver estátuas de vidro, nois quebra! O show tava tão louco que até Mestre Magu apareceu por lá, e Rodrigo tava que tava, uma piadista e tanto, mas tudo é permitido num show tão agradável como esse, deu até pra rolar um cover da Irmão Carlos e o Catado", com o nobre e estimado Carlinhos no vocal de "Sedução Barata", solta o groove!!!!Ainda deu tempo de mais um cover do Rise Against, bem pop por sinal, e assim a Charlie Chaplin deixa o pico na bruxa pra que a Weise finalize com chave de ouro essa festa.

E a WEISE - http://www.myspace.com/bandaweise - não decepciona, já chega chegando com cover do Pavement, mais algumas músicas próprias e mais um cover foda!!!!!!Cover do Pixies, com a ilustre participação de Bubute, como o som da Weise é bem introspectivo a galera estava mais morna, porém achei que o público estava bem mais participativo nessa apresentação, aliás as últimas apresentações da Weise vem sendo bem aceita pelo público, acho que a banda tem se consolidado no cenário rocker, e vem angariando fãs aqui e acolá, bem legal!!!!Detalhe foi que podemos ver a Weise em sua formação original, pois o baixista Vitor tocou nesse show, outra curiosidade foi que a banda não estava no cartaz do evento, estava a banda O Quarto, que por motivos alheios ao nosso interesse acabou não tocando, sendo bem substituída pela Weise. E assim tomei o rumo de minha casa, onde dormir com meu amor.


NA FOTO: The Honkers

Comentários

Rodrigo disse…
hahahaah bala!!! foi durmi com seu amor ne?
Anônimo disse…
:$
ahuahuahauhau
the futchers tem cd pra comprar é? com quem?
Juli disse…
é Juli em cima acho q cliquei em algum lugar errado ficou anônimo hauauhauaua
x Toma na Cara x disse…
Rpz...eu nem sei, mas se Rodrigo disse...bem se não tiver eu baixo e vendo pra vc amor hehehehe

(L)
Rodrigo Sputter disse…
tem pra comprar com o demo, ele vende nosso cd e nossas almas-hehehehe.

pior q num tem não, a num ser q Roger esteja fazendo umas cópias piratas, se vender melhor pra ele-heehhehe.

Rodrigo Gagliano esqueceu de dizer que eu troquei a calça na hora dos Futchers pra ficar diferente...

Gosto do show da Charlie, fico feliz quando vejo vcs tocando, o público ensandecido, cantando as faixas, me lembro a diversão q eu tinha quando comecei com os Honkers...

Vou ensaiar com os caras da Weise pra virar oficial, quando eles quiserem, essa minha participação espacial-ehhehe.
Putz... Foi um dos melhores shows do ano... com certeza... Realmente a participação do público foi foda... Agora é esperar as próximas vezes... Já que The Specials virou "Cult" estamos vendendo camisas... hein? rsrsrsrsrs...

\o/
ragko disse…
Krl the honkers + foda do q nunca!

O que me surpreendeu foi the futchers, principalmente na sincronia das guitarras ;)
Mto bom!
x Toma na Cara x disse…
Parceria boa essa viu Bubute, se rolar mesmo tem que regustrar em alguma gravação!!!!!

Chucky, realmente espero que todos os próximos que estão por vir sejam nesse mesmo clima.

E COMPREM CAMISAS DO THE SPECIALS E OUTRAS BANDAS NA INFERNAL SHIRTS!
http://www.fotolog.com.br/infernalshirts

Léo, também gostei do show da The Futchers, bem legal.

Postagens mais visitadas deste blog

Cobertura dos melhores momentos do Palco do Rock 2009

Por: Rodrigo Gagliano.


Nesta edição colaborou conosco o Rodrigo Gagliano, membro de várias bandas que foram/são importante para o cenário underground soteropolitano, dentre elas a Charlie Chaplin. O Rodrigo, acompanhou todos os dias do festival PALCO DO ROCK, e teceu suas considerações. DIVIRTAM-SE!

Dia 21/02/09 – Sábado

Primeiro dia. Não curti nenhuma banda. Não é só em relação a estilo, às vezes é algo que não gosto, mas posso ver algo interessante e tal. No máximo na banda grande, mas tinha muito pula-pula, muita braulêra! Na verdade não lembro da banda de Thrash Metal 80´s. Teve ainda, a Pastel de Miolos que tem algumas coisas que gosto, principalmente de coisas mais antigas, como costuma ser comigo.

Dia 22/02/09 – Domingo

Segundo dia. Fui com Íris e Antonio (amigos pessoais do Rodrigo) que queriam ver a primeira banda, Endiometriose. Banda de Feira de Santana, composta por meninas. Tocaram muitos covers em relação a quantidade de músicas próprias.Ponto negativo, pois ficou parecendo q…

Oasis Day 2012 - Salvador

Texto: Ciro Sarno Já há alguns anos vem sendo realizado, no Brasil, o Oasis Day. Em algumas cidades, eventos com programação especial são feitos em homenagem ao grupo, contando com bandas covers e/ou discotecagem, levando os fãs a relembrarem os hits que marcaram épocas.
Na edição deste ano, que ocorreu dia 15 de setembro, Salvador participou pela primeira vez. O evento foi realizado no Groove Bar, melhor casa de rock da cidade, e o anfitrião da noite foi o sempre fantástico Oasis Cover. A apresentação contou com a abertura da banda Blur Cover, fazendo uma combinação inusitada de covers entre os rivais britânicos. Foi uma noite de puro rock, com o melhor que o Oasis tem a oferecer neste aspecto. Com um setlist bem escolhido por Ted Simões, líder e vocalista do grupo anfitrião, o show foi conduzido de maneira dinâmica e com surpresas dignas do que a noite merecia. “Rock’n Roll Star”. 
A apresentação começou com a música que traduz bem o que é o Oasis, o que significa ser fã da banda e prepar…

Cobertura: Pessoas Invisíveis e Gigante Animal na Midialouca

Resenha: xDuduxFotos: Danilo VieiraSalvador passa por uma triste fase de escassez de casas de shows, por isso vale a criatividade dos organizadores de shows em buscar possibilidades em fazer a parada virar. Como puderam observar na resenha anterior, elaborada por Rodrigo Gagliano, o show dos Falsos Conejos foi no Bar de Dona Neuza, que fica no Marback bem distante do Rio Vermelho/Pelourinho (locais onde geralmente rolam os shows na cidade). Com a passagem do Gigante Animal (SP) por Salvador não foi diferente e a criatividade de Danilo Vieira é de se tirar o chapéu. O local escolhido foi a Midialouca, uma loja de CDs e livros bem legal. A estética do local por si só já tava valendo, eu particularmente nunca tinha ido a loja e adorei, comprei dois bons cds lá e ainda vi shows de duas bandas excepcionais. Vamos ao show.
Já tinha uma quantidade razoável, para uma quinta feira, no local e a Pessoas Invisíveis- http://www.myspace.com/pessoasinvisiveisrock - mandava os primeiros acordes, ent…