Pular para o conteúdo principal

Ensaio Aberto nº1


Olá, leitores. Na minha primeira aparição no blog, tentarei contar aqui o que aconteceu no domingo 21/03/2010 no bar do Magno (que lugar gostoso), pra você que não foi e quer saber se foi legal, ou até mesmo pra quem foi e gostaria de relembrar momentos.
Bom, lá estava eu, saindo de casa tarde, achando que ia chegar atrasado, tinha dormido meio mal e me sentindo meio indisposto (não sei porque). Fiz minha viagem "inter-estadual" e a caminho do Rio Vermelho encontrei o Fernando Gomes (já colaborou aqui no blog) e resenhamos um pouco durante a viagem. Foi o suficiente pra eu perceber que perdi meu Salvador Card assim que desci do ônibus, o que me deixou mais preocupado ainda. Mas pra a minha surpresa, o show ainda não tinha começado nem dava sinais de que ia começar tão cedo. Tempo pra mais resenhas na porta do bar.

Depois de muita conversa, boas lembranças e uma garoinha bem gostosa, alguns ruidos são ouvidos dentro do bar, e eis que eles DERRUBE O MURO - http://myspace.com/derrubeomuro - começam a tocar. A vibe do show tava bem legal e eles já foram mandando as musicas da demo sem muito papo. Uma atrás da outra. O discreto público não agitou muito, talvez por desconhecer as musicas da banda ou mesmo pela falta de espaço no recinto, mas olhando em volta, a gente podia ver poucas pessoas sacudindo a cabeça e com sorrisos nos rostos. Teve até um discurso sobre a polêmica interna sobre uma frase, sobre destruir os bons/maus costumes ou algo assim, que não entendi muito bem e até uns versos do Facção Central (?) no meio de uma musica. Não sei se isso tem na musica de fato, ou se Doriva improvisou na hora, mas creio que foi o momento mais divertido do show.

Para dar sequência sem deixar cair a peteca e mantér as pessoas que estavam presentes dentro do bar, eles DIANTE DOS OLHOS -http://myspace.com/diantedosolhos - foram Rapidos. Rodrigo que anteriormente tocou guitarra na Derrube o Muro assumiu as baquetas, junto a Baloubet com sua guitarra bonita, Boy com o seu charme e alto astral e Danilo com sua semelhança incrível com Ozzy e Egon. O set foi bem mesclado entre musicas do split (me corrijam se eu estiver errado) e "novas" que ainda não foram gravadas, e digo que já está na hora, porque estão muito boas ao meu ver. O show foi morno, talvez pelos mesmos motivos do show da Derrube o Muro, Mas a banda foi impecável e fez o que tinha que fazer. Velocidade, vocais declamados e gritados em alguns momentos e alguma melodia. Mistura boa que na minha opinião tá dando mais certo nas musicas novas. Vamos esperar pra ver se sai lançamento deles esse ano!

Agora é hora de melodia. A BUSTER - http://myspace.com/0buster0 - se prepara para o seu show, enquanto era possível notar que muitos dos presentes já não estavam mais lá. Mas isso não foi empecílio para eles, que já começaram tocando a rapidíssima "Friendshit". Eu cantava e me divertia com algumas poucas pessoas que estavam prestando atenção no som dos caras. E que som, diga-se de passagem. Muita coesão entre as guitarras, entre baixo e bumbo e um vocal afinadíssimo de Thiago Nogueira, que banda foda. Fico tentando entender como tem pouca gente que conhece a banda. Talvez esse gênero tenha sido engolido pelas "novas tendências" e as pessoas novas não se interessam muito, vai saber. Voltando ao show, eles tocaram musicas conhecidas de outras gravações como "Mirror", "Walking a Long Road", "The Same Way" e muitas novas como "Change" e "Sometimes running" (não sei o nome da musica hehe) que estão no mesmo nível das ótimas musicas antigas, e essas novas me remetem um pouco a bandas da decada de 90' como Samiam, Texas is the Reason, Good Riddance etc. Show lindo e ponto alto para o cover de "Replace", da banda santista Garage Fuzz. Disseram que não queriam tocar porque não tinham ensaiado, pura balela, o cover saiu perfeito, e todos os presentes que conhecem a banda santista foram a extase. A Buster tem que gravar logo e fazer com que as pessoas conheçam a banda, algo muito bom não pode cair no esquecimento como tantas outras.


Quem tinha a missão de deixar o clima mais quente do que já estava era a convidada de honra THE PIVO'S. Punk Rock vigoroso e por que não "industrial"?! Mandaram uma música atrás da outra, sem muito papo e não deixaram em momento algum o clima esfriar. Com muita energia e um clima muito legal do público (mesmo que em pouco numero), que ficou meio aglomerando em frente à banda e deu uma impressão de que o bar ainda tava cheio, tocaram várias músicas proprias, que se fossem conhecidas, com certeza iam botar fogo naquele lugar. A banda nesse sábado começou a gravação de uma música pra uma coletânea, espero que saia logo, que eles gravem outras e que voltem aqui emSalvador mais vezes pra firmar essa parceria Salvador/Camaçari. Showzão mais uma vez e me arrisco a dizer que dos 3 shows que vi dos caras, esse foi o melhor.
Bom, pra falar sobre a Charlie Chaplin, eu passo a bola pra o Dudu. Eu acho chato falar do show que eu toquei e pra ser sincero, não queria escrever a resenha por esse motivo. Mas resolvi escrever, sem falar da banda que eu toco, acho que fica legal desse jeito.
Gente fresca é outra coisa! kkkkkkkkkk Bem, nem uma porra de um dia de folga Dill deixa eu tirar, feladaputa.


Com o público reduzido a CHARLIE CHAPLIN - http://myspace.com/charlichaplingoveia - começa seu show. Impressionante, tem shows que parece que tudo vai ser foda e os caras cagam o show, e outros como esse que tudo parecia que seria uma merda (pouco público + cansaço) o show foi foda!!!Já disseram por aqui, acho que foi Vicente (vocal), que o problema é o público, eu acho que é isso mesmo, e aqui não falo de quantidade e sim de qualidade, apenas duas pessoa foram essenciais para que esse show fosse foda: Paulinho (Weise) e Caio (Velotroz), os caras estavam tão animados que acabaram contagiando geral, e logo se via gente se jogando no chão, aquela putaria toda de um verdadeiro show da Charlie Chaplin. Os caras da banda entraram no clima barzinho do show e atenderam alguns pedidos musicais vindos do público, ai vinheram excelentes covers como Minority Blues Band, At the Drive-In e Shame!!!!

A Capitalixo não se apresentou nesse show, porque o baixista não se encontrava mais no recinto, mas não iriamos para casa sem uma boa dose de punk agressivo! Italo (The Pivo's) assumiu o baixo, Rodrigo a Guitarra, Rogério a bateria, e ele a lenda: Léo (Escato) nos vocais, e ai o que veio foi excelentes canções de uma excelente banda que deixa muitas saudades, já quero outro show de reunião da Escato.

Esse foi o primeiro show nesse esquema Ensaio Aberto no Bar do Magno, já estamos encaminhando para 3ª edição e os resultados estão sendo ótimos, é bom ver que nem tudo está perdido.
TUDO NOSSO FAMÍLIA!

Comentários

Rodrigo disse…
hehehe num entendeu a historia do bons/maus costumes, pq n disse na hora porra? eu tava falando pra quem se interessasse entender, se naum entendeu falava!! fale da proxima vez!! hehehe

sobre a buster, acho q falta divulgação! eu mesmo so fui escutar e passar a gostar da banda, depois q vicente deixou um cd de mp3 comigo q tinha som dos caras q ele pegou nem sei onde!! claro q tem fatores como novas tendencias darem uma certa amortecida no "velho" e coisa e tal, mas axu q principalmente esse lance das pessoas naum saberem q existe material dessa banda, coisa q costumamos fazer com nossas bandas tb! hehehe Pra isso existe São Dudú! hehehe

Falando nele, não acho que a gente caga no show. Se cagamos, cagamos nos que o pessoal mais se divertiu! ai rola uma esculhambação de nossa parte tb!!! mas normalmente qnd ninguem agita no show, a gente toca certo e como naum tem clima de bagunça, a gente toca uma atras da outra, no piq, coisa e tal! enfim!!!

bala!!! tomara q a do segundo ensaio aberto role foootos!! ;)
Rodrigo disse…
Contrata Fernando!!! heheehe
Eduardo disse…
Rodrigo: São Dudu é foda! Seu crente de merda!

Cagar no show eu não me referi a tocar certo ou errado as músicas, e sim a parte da bagunça mesmo, eu tou pouco me fudendo se vão errar tudo, eu quero é o caos e violência punk! jehehehehehhauha

Realmente ficou devendo fotos, no segundo rolou algumas sim, eu já vi rolando por ai pelos fotologs.

Sobre contratar Fernando, é foda pra ele se deslocar com a camera, pois a cada dia que passa as cameras dele ficam mais caras, e de buzu é foda uhahuahuauhaug


Ahhh...só pra esclarecer, a parte do Facção Central que Doriva cantou não está na versão original da música da Derrube o Muro, foi apenas um interlúdio.
Anônimo disse…
The PIVO'S = Punk Garage Rock que bebe na velha escola do punk... dizer q a pivo's é "industrial" e fooooooooooda!, é um tiro no pé!

abs
Eduardo disse…
Anônimo: Se idêntifica pelo amor de Jah, não vamos te pegar lá fora auhuahuhauhahuauhauhauhaha

Explicando esse ponto. Dizer que a The Pivo's é indutrial não é um tiro no pé, é uma piada pelo fato deles virem de Camaçari, a Cidade Insdustrial da região. Sacou?
wiltonsn disse…
Cagar no show só serve quando o banheiro tá devidamente limpo.

Andrei
Anônimo disse…
Uns evento horrivél cheio de bandas fuleiras inclusives as suas rebanbho de desgraça vão aprender a tocar seus viados eu tava lá e vi uma bosta só depois querem falar do palco do rock uahuahahuhaha

SE INVEJA MATASSE VCS ESTAVAM FUDIOS OTARIOS!!!
Eduardo disse…
Wilton: Eu bem sei disso huahahuahuahuhuahauhahaha


Anônimo: Você deveria chegar junto, já que disse que tava lá, e falar na cara do rebanho de desgraça isso, mas óbvio que não vai fazer isso porque é puta e nem comentar com o nome aqui consegue.

Ainda bem que inveja não mata.

Beijo do otário aqui!Putinha.
wiltonsn disse…
Mostra a cara mister m.

Os caras nem falaram mal do palco do rock. O Blog cobre shows e as resenhas não são somente para falar bem. O que adianta faalr bem de uma banda ruim?

E Dudu, não é wilton que comenta. É Andrei.
Anônimo disse…
e por que não falam mal dessas bandas ruins que tocaram nesse eventto ?

Há sei por que tem banda que é de intergrantes desse blog né pode ser isso e outra deve ser por que as outras bandas é de brother deles uahuahhau

E claro que tem que fala das coisas ruins do palco mais esse idiotas aqui já tiveram birras com os organizadores do evento a fica nessa viadagem de fazer resenha do palco que eles mesmo dizem que não gosta ou não presta.

Já que tem tanta inteligencia pra criticar no ponto de vista deles poderiam tentar opninar pra melhora o PALCO e´aberto a sugestões então pra eles é melhor critica do que ele não gosta.

Eu sou puta mesmo e faço vida uahuahuahahahau

agora vcs são mais ainda uahuahuahuahuah usam a net pra degrenir a imagem dos outros
Eduardo disse…
Andrei: hiahhauhuahua Wilton Andrei.

Anônimo: "e por que não falam mal dessas bandas ruins que tocaram nesse eventto ?"

Simplesmente porque não achamos ruins, se você acha cria teu blog e fala mal, dou total apoio.

"Há sei por que tem banda que é de intergrantes desse blog né pode ser isso"

É uma hipotese.

"e outra deve ser por que as outras bandas é de brother deles"

Brother não, família.

"E claro que tem que fala das coisas ruins do palco"

Não, não TEMOS que falar, porque não é uma obrigação, é por praze mesmo.

"mais esse idiotas aqui já tiveram birras com os organizadores do evento"

Birras? Ahn? Eu nunca tive birra com ninguem apenas penso de um modo, eles de outro...onde está a birra?

"a fica nessa viadagem de fazer resenha do palco que eles mesmo dizem que não gosta ou não presta".

O blog é nosso e falamos do evento que quisermos, se eu for no Muquiverão e quiser resenhar aqui, assim vou fazer...tá achando ruim? Se saia!

"Já que tem tanta inteligencia pra criticar no ponto de vista deles poderiam tentar opninar pra melhora o PALCO"

Eu não tenho que opinar para melhorar nada, e acho que a ACCRBA já tem gente demais lá para opinar para melhorias do Palco do Rock.

" pra eles é melhor critica do que ele não gosta."

Isso! Agora você entendeu.

"Eu sou puta mesmo e faço vida"

Se fosse nesse sentido até era motivo de orgulho, pois ao menos estaria tirando seu sustento de forma honesta, todavia, é puta por que se acha o tal vindo aqui e tirando sua braba, apenas porque está no anonimato, se tem alguma coisa pra resolver com a gente, marca pra resolvermos...cara a cara, não fica que nem um ratinho se escondendo, mané! BOTA A CARA! Cuzão.

"agora vcs são mais ainda uahuahuahuahuah usam a net pra degrenir a imagem dos outros"

kkkkkkkkk pelo menos assinamos, seja falando bem ou mal...todos podem saber quem somos e vir cobrar, se tiver coragem é claro. O que não é o seu caso.
Dill disse…
Ai, mel delz.. Só pra esclarecer, doutor anônimo.. Essa resenha fui eu quem escrevi. Não precisa ser inteligente como o Dudu pra sacar uma piada como a que fiz.

Sim, aqui somos todos amigos, somos uma familia como Dudu costuma dizer, mas somos todos adultos pra nos responsabilizar pelas coisas que falamos. Aqui não existe fazer média com ninguem, somos amigos, mas discordamos uns dos outros, todavia, não precisamos brigar por termos visões diferentes acerca de qualquer pensamento.

Se você procurar posts no blog, verá que há varias resenhas da minha banda (Charlie Chaplin), a qual você ja disse achar uma merda, e eu concordo plenamente, mas é uma merda que me faz feliz.. Sim, prosseguindo, se você procurar, verá cobertura de shows nossos que não foram bons e verá críticas.. Se você gosta de imparcialidade, vai ler globo.com, é uma imparcialidade sensacionalista, mas deve ser o que você procura. Aqui as coisas são feitas de acordo com o que os donos do blog pensam/sentem, doa a quem doer.. E só pra terminar, você pode até não gostar do que é escrito aqui, mas infelizmente não pode fazer nada.. A internet é livre pra as pessoas escreverem o que quiserem, sem ofender ninguem é claro, coisas que nunca aconteceu aqui!

Se ainda quer continuar perdendo o seu tempo discutindo por algo que não te agrada, tudo bem, mas acho que poderia direcionar esse seu "ocio criativo" pra melhorar o palco do rock 2011, se for realmente bom ninguem aqui vai falar que foi uma bosta.. Até porque o de 2010 melhorou muito e teve muitos elogios..

Beijos gays e muito molhados! Só falta ser homofóbico!
Dill disse…
E Rodrigo, o mp3 da buster fui eu que passei pra vicente, que por sua vez passou pra você. Dieguinho há um tempo atrás tinha me apresentado a banda e acabei conhecendo os caras e ajudei um pouquinho a propagar o som dos caras.. felizmente algumas pessoas gostaram, mas é muito pouco pra a qualidade da banda!
Eduardo disse…
Dill: Casa comigo?
Rodrigo disse…
Disgraças!!! Dill falou em felicidade, felicadade, pra mim, seria ver um comentario provocativo de um anonimo por aqui, e ver passando batido, sem ninguem dar bola!! Ceis taum respondendo a alguem q nem sabe quem são! Pq tamanha consideração? Desprezo pelamordedeus!!!!
Eduardo disse…
Rodrigo: Somos meninos educados e bem criados, por isso não vamos deixar a putinha sem resposta.
Fernando disse…
Esse foi bala!
Não vi todos os shows mas o q vi gostei bastante... e os bate-papos do lado de fora foram uma atração a mais... e q p/ mim são bem importantes nos ambientes de shows...
Vida longa ao Ensaio Aberto!

Um Só Caminho...
Fernando disse…
Esse foi bala!
Não vi todos os shows mas o q vi gostei bastante... e os bate-papos do lado de fora foram uma atração a mais... e q p/ mim são bem importantes nos ambientes de shows...
Vida longa ao Ensaio Aberto!

Um Só Caminho...
Fernando disse…
Ah! Sobre as fotos o único problema é esse mesmo q Dudu falou... a (falta de segurança) p/ levar a câmera. Os buzões entre São Caetano e Rio Vermelho dia de domingo de tarde/de noite não são uma parada lá muito (nada) segura... hehehe
Se Gabriel se dispor a fazer esse avião aí, é nóis mermo! hehehe (larguei) =P
Eduardo disse…
Fernando: Nem fala!!!!Várias pessoas legais para papear!!!!

Mas Gabriel não mora mais em São Caetano porra, ai fica díficil pra ele uhahuahuahuahuahuahuauhahuauhahuahahah

Vida Longa ao Ensaio Aberto.

Postagens mais visitadas deste blog

Cobertura dos melhores momentos do Palco do Rock 2009

Por: Rodrigo Gagliano.


Nesta edição colaborou conosco o Rodrigo Gagliano, membro de várias bandas que foram/são importante para o cenário underground soteropolitano, dentre elas a Charlie Chaplin. O Rodrigo, acompanhou todos os dias do festival PALCO DO ROCK, e teceu suas considerações. DIVIRTAM-SE!

Dia 21/02/09 – Sábado

Primeiro dia. Não curti nenhuma banda. Não é só em relação a estilo, às vezes é algo que não gosto, mas posso ver algo interessante e tal. No máximo na banda grande, mas tinha muito pula-pula, muita braulêra! Na verdade não lembro da banda de Thrash Metal 80´s. Teve ainda, a Pastel de Miolos que tem algumas coisas que gosto, principalmente de coisas mais antigas, como costuma ser comigo.

Dia 22/02/09 – Domingo

Segundo dia. Fui com Íris e Antonio (amigos pessoais do Rodrigo) que queriam ver a primeira banda, Endiometriose. Banda de Feira de Santana, composta por meninas. Tocaram muitos covers em relação a quantidade de músicas próprias.Ponto negativo, pois ficou parecendo q…

Oasis Day 2012 - Salvador

Texto: Ciro Sarno Já há alguns anos vem sendo realizado, no Brasil, o Oasis Day. Em algumas cidades, eventos com programação especial são feitos em homenagem ao grupo, contando com bandas covers e/ou discotecagem, levando os fãs a relembrarem os hits que marcaram épocas.
Na edição deste ano, que ocorreu dia 15 de setembro, Salvador participou pela primeira vez. O evento foi realizado no Groove Bar, melhor casa de rock da cidade, e o anfitrião da noite foi o sempre fantástico Oasis Cover. A apresentação contou com a abertura da banda Blur Cover, fazendo uma combinação inusitada de covers entre os rivais britânicos. Foi uma noite de puro rock, com o melhor que o Oasis tem a oferecer neste aspecto. Com um setlist bem escolhido por Ted Simões, líder e vocalista do grupo anfitrião, o show foi conduzido de maneira dinâmica e com surpresas dignas do que a noite merecia. “Rock’n Roll Star”
A apresentação começou com a música que traduz bem o que é o Oasis, o que significa ser fã da banda e prepar…

Cobertura: Pessoas Invisíveis e Gigante Animal na Midialouca

Resenha: xDuduxFotos: Danilo VieiraSalvador passa por uma triste fase de escassez de casas de shows, por isso vale a criatividade dos organizadores de shows em buscar possibilidades em fazer a parada virar. Como puderam observar na resenha anterior, elaborada por Rodrigo Gagliano, o show dos Falsos Conejos foi no Bar de Dona Neuza, que fica no Marback bem distante do Rio Vermelho/Pelourinho (locais onde geralmente rolam os shows na cidade). Com a passagem do Gigante Animal (SP) por Salvador não foi diferente e a criatividade de Danilo Vieira é de se tirar o chapéu. O local escolhido foi a Midialouca, uma loja de CDs e livros bem legal. A estética do local por si só já tava valendo, eu particularmente nunca tinha ido a loja e adorei, comprei dois bons cds lá e ainda vi shows de duas bandas excepcionais. Vamos ao show.
Já tinha uma quantidade razoável, para uma quinta feira, no local e a Pessoas Invisíveis- http://www.myspace.com/pessoasinvisiveisrock - mandava os primeiros acordes, ent…